Consultoria de Marketing Digital
Início » 4 razões para Criar um Site Institucional em WordPress

4 razões para Criar um Site Institucional em WordPress

Criar um Site em Wordpress - veja porque precisa desta plataforma

Sua empresa está pensando em refazer o site ou fazer um do zero?

Como escolher qual plataforma usar?

Com certeza você já ouviu falar de Wix, bombando de publicidade especialmente no YouTube.

Mas tem outras plataformas como WordPress, Joomla, Drupal.

Veja porque precisa criar um Site em WordPress

E se o seu site é um e-commerce, você pode pensar em plataformas já desenvolvidas para seu fim.

As mais conhecidas são woocommerce (integrada no WordPress), Magento, Vtex (incluindo Loja Integrada e Xtech, ambas desenvolvidas na base do Vtex).

Mas, caso o seu site seja puramente institucional, sem ser e-commerce, como escolher?

Já vimos em outro artigo que dependendo da maturidade da sua atividade o mais fácil é escolher entre Wix e WordPress.

Agora vamos ver especificamente 4 razões para investir em WordPress, considerando que sua empresa já tenha um nível de maturidade que vai além da situação de freelancer ou que você tenha algum conhecimento de programação.

Aqui vão 4 razões para considerar montar o site na plataforma WordPress.

1. Flexibilidade

WordPress foi concedido para Blogueiros.

No entanto, ao contrário do que se imagina, um site montado em WordPress não precisa necessariamente ter cara de Blog. O WordPress pode ser customizado até se parecer com o que você quiser.

No começo, sem perder muito tempo nas questões de design e estrutura, você pode comprar um tema pronto, já desenvolvido para seu segmento, e adaptá-lo à sua identidade, suas fotos e perfil.

O WordPress é uma plataforma de código aberto, isso significa que ninguém é dono do código, assim você não fica preso com o programador que contratou para desenvolvê-lo. Coisa que acontece se seu site é feito em HTML puro.

O fato de ser em código aberto (open source), permite ter um site modular. Isso significa que você pode começar com um site básico e ir incrementando funções e seções através de plug-in que são de fato a fortuna do WordPress e de quem programa em WordPress.

Só tenha um cuidado, um plugin nada mais é que um código a mais no seu site, então sem um bom controle o seu site pode ficar mais pesado e demorar a carregar. E este é um fator negativo para fim de SEO.

2. Baixo custo

O WordPress já vem com um administrador de conteúdo embutido, um CMS (content management system).

Comprando um tema pronto e seguindo alguns tutoriais gratuitos no YouTube, não há necessidade de contratar um time de programação para montar um.

O único custo que você terá é o de customização do CSS (cascade style sheet), que é aquela parte do site que codifica a estética (cores, tamanhos, fontes, etc).

Caso não tenha conhecimento de programação, existem agências ou consultores que podem montar seu site em WordPress com custos que vão desde R$ 2,900 até R$ 10,000 dependendo da complexidade.

Minha sugestão é que se você não tem uma boa quantidade de conteúdos para publicar ainda, é melhor começar com um site simples em WordPress, comprando um tema pronto (desde 0 US$ até 50 US$), com 5 – 10 páginas.

Ai você poderá aumentar a quantidade de páginas e conteúdos conforme for sentindo a necessidade.

3. Fácil de atualizar

O administrador de conteúdo que já vem embutido por trás de um site em WordPress é – justamente – o WordPress, uma ferramenta familiar a qualquer pessoa que possua um mínimo de conhecimentos web.

Importante destacar que o WordPress é a plataforma mais conhecida e popular no mundo.

Assim, caso precise de uma ajuda, não vai ser difícil encontrar alguém que tenha familiaridade com ele e que possa te ajudar nas atualizações que você precisa.

4. Otimização de Sites

O WordPress é uma ferramenta que foi construída já levando em consideração o mundo de SEO e da otimização de sites.

Especificamente para isso, é bom instalar o plugin Yoast que vai te orientar na otimização de todas as páginas e posts do seu Blog, usando como base as palavras-chave pelas quais você quer otimizar seu site.

Muitos plugin são gratuitos, ouso até dizer que todos os plugin que você precisa na fase inicial, são gratuitos.

Entre eles os mais importantes:

  1. Yoast para otimização – SEO
  2. contact Form 7 – para criar formulários de contato
  3. Slider Revolution ou Visual Composer – para personalização do visual do seu tema, mesmo após a entrega.

Claramente não pense que o uso perfeito do Yoast vai ser suficiente para ter um site otimizado.

Um projeto de otimização passa por várias fases e várias vertentes de complexidade, tanto on-page (ações de SEO no site), quanto off-page (tarefas de otimização fora do site).

Conclusão

Lógico que existem outras boas razões para um site ser construído em outras ferramentas, e que outras ferramentas possuem várias das vantagens acima também.

Mas o objetivo aqui foi salientar que o WordPress é uma das boas opções para a construção de um site, com baixo custo.

Quando tiver um negócio redondo que requeira um nível de complexidade maior, só então você poderá escolher de alterar para um sistema personalizado.

Você já tem experiência com WordPress? Compartilhe aqui nos comentários.

Quer opinar ou ficou com algumas dúvidas? Comente aqui.

Estrategista de Modelos de Negócio e de Marketing Digital, Engenheiro. Mais de 10 anos de experiência internacional em vários paises da Europa e América Latina. Especialista na implementação e otimização de Processos de Business. Perfil linkedin: https://br.linkedin.com/in/daniloalbadigitalmarketing

..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.