Blog
Início » O que o BNI me ensinou a ensiná-los? Inbound Mkt e Network precisa seguir o Funil de Vendas
fev 28, 2017 |

O que o BNI me ensinou a ensiná-los? Inbound Mkt e Network precisa seguir o Funil de Vendas

como eu aprendi com o BNI Atitude - inbound marketing

Toda semana eu penso em um conteúdo que fale sobre operações de marketing ou estratégias de marketing que ajudarão os nossos leitores a venderem mais, resolverem questões de navegabilidade, etc.

Dentro do marketing digital, indo na contramão do que eu quero passar como informação útil a ser seguida, quero compartilhar com vocês:

O que o BNI Atitude me ensinou a ensiná-los.

Antes de tudo, eu acho pertinente introduzir o BNI muito brevemente:

Eu faço parte do BNI, que é um grupo mundial de Network. São diversos grupos em vários lugares de São Paulo e do mundo. No grupo BNI Atitude, fazemos reuniões semanais e, todas as sextas-feiras, nos encontramos às 7:00 am, religiosamente.

Dentro de cada grupo existem empresas de vários segmentos. Contudo, o que diferencia essa metodologia é que não existe concorrência dentro do mesmo grupo!

O que isso quer dizer?

Quer dizer que dentro do meu grupo ATITUDE eu sou a representante da NoTopo, sendo assim e não existe outra consultora de marketing digital disputando espaço comigo.

Todas as empresas que precisarem de consultoria de marketing digital poderão contar com os nossos serviços e eu poderei contar com serviços de todas as outras empresas que estão dentro do BNI, como por exemplo: advogados, contador, dentista, produtora de vídeo, entre outras empresas de diferentes segmentos.

Network-rede-de-pessoasA força disso é a REDE.  E essa rede se espalha com indicações, uma empresa confia no trabalho da outra e por isso acaba indicando os serviços para outras empresas.

Claro, você precisa ser comprometido, se relacionar bem com as pessoas do seu grupo e ser bom no que você faz (sendo esse o ponto chave)!

O que eu quero elucidar aqui é:

Mesmo dentro de um grupo de Network, onde empresas deveriam se indicar por serem parceiras, se você não tiver PRESENÇA e CRIAR UM RELACIONAMENTO, a VENDA nunca será feita.

Isso mostra que tanto o mundo offline quanto o mundo online funcionam da mesma forma.

Aqui tem um vídeo que eu fiz falando sobre “Como vender mais em 2017” – Fazendo uma analogia, já usada, da venda como um casamento. Vale a pena assistir! 😉

Caso você esteja estranhando o meu conteúdo e mesmo assim chegou até aqui, é provável que pense:

O que você quer dizer com tudo isso, Mafê?

Antes, quando eu comecei a participar do Grupo do BNI Atitude, há pouco menos de 1 ano, eu frequentava as reuniões, fazia reuniões individuais e NÃO ME ATENTAVA AO FATO de que as pessoas que estavam me ouvindo não entendiam nada do que eu fazia.

Mesmo eu mostrando a minha empresa e apresentando algumas soluções, as pessoas não conseguiam “engajar” comigo, pois elas pouco estavam familiarizadas com o que eu faço, que é Marketing Digital.

Então, para conseguir ser mais relevante dentro do grupo, eu tive que educar os meus colegas para que eles prestassem mais atenção em mim!

Como eu fiz isso?

  • Comecei a escutar o feedback deles
  • Comecei a criar histórias que fizessem sentido com o que eu fazia, para as pessoas começarem a criar associações – Gatilhos
  • Simplifiquei a minha fala (as pessoas, no geral, não sabem os termos técnicos de mkt digital)
  • Melhorei as minhas apresentações de 60 segundos (que fazemos todas as sextas no BNI, como parte da metodologia de network)

escutar seu cliente para aprender com eleEnfim, o que eu fiz foi basicamente entender onde eles tinham mais dificuldade e melhorar o que eu podia fazer em curtíssimo prazo para ter mais referências dentro meu grupo.

Afinal de contas, ninguém pode me referenciar para outras empresas sem ao menos entender direito o que eu faço, né?

Essa troca é tão importante em um grupo de Network, como na conclusão da venda do seu serviço ou produto pela internet.

Daí entra o conceito de:

DIVULGAÇÃO (awareness), INTERESSE, DESEJO, AÇÃO (AIDA).  – que são os passos para uma boa estratégia de INBOUND MARKETING.

O que eu estava fazendo dentro do meu grupo do BNI? Inbound Marketing!

  1. Funil Inbound Marketing AIDAeu me apresento
  2. as pessoas querem saber mais sobre meus serviços
  3. eu engajo essas pessoas com cases, histórias, notícias, momentos educativos
  4. elas querem saber mais ainda sobre como posso ajudá-las
  5. a partir daí elas contratam o meu serviço.

 

É um funil, galera…!

Funil de Vendas NoTopo

Nenhuma venda, a não ser que você venda papel higiênico, xampú (nem todos), meia, calcinha, cuecas, e por aí vai, é feita sem esse processo.

Pode ser um processo lento e demorar meses, ou pode ser um processo muito rápido e demorar algumas horas. Mas, é um processo que todo mundo passa, seja cliente, seja consumidor.

Dentro do meu grupo de Network não poderia ser diferente. Eu precisava ensiná-los sobre o que eu faço, como eu faço e porquê eu faço, para que eles conseguissem me indicar à empresas que buscam pelos meus serviços.

E não pára por aí.

Se eu não souber explicar bem, não fizer com que eles se interessem pelas minhas soluções, ou se eu tiver um PÉSSIMO atendimento, não há milagre.

Por mais que eu vá toda semana, pague a anuidade, pague o café da manhã (por que as reuniões são em um hotel), a condução etc., não existe milagre para quem não quer se relacionar e atender bem seus clientes.

O Inbound – tanto online quanto offline (vou me permitir fazer essa analogia com o network) exige RELACIONAMENTO.

Caso você esteja com dificuldade de criar esse diálogo com o seu target, fazer a divulgação da sua empresa e ver retorno efetivo, nós conseguimos desenhar estratégias que seguem todos os passos do funil.

Se você quiser saber mais sobre nossos serviços, entre em contato conosco ou deixe um comentário aqui embaixo, que eu responderei o mais breve possível.

E, se tiver interesse, eu também estou nas reuniões do BNI Atitude toda sexta-feiras, das 7:00 às 9:30 da manhã, no Hotel Paulista Wall Street, na Rua Itapeva, 636. –  Você pode ir como convidado, fale comigo para eu explicar melhor como funciona! 😉

Amo as redes. Conhecimento sem hierarquia é mais que maravilhoso. Amo pessoas, amo viver, gosto de falar e de escutar. Tento, com isso, aplicar essa percepção do outro em tudo o que eu faço. Viajar proporciona o entendimento de que o mundo não gira em torno do nosso umbigo e isso é, de certa forma, libertador. Só sei que nada sei e quanto mais eu sei, menos eu sei. (Sócrates é um lindo) Paixão pelo o que eu faço, Gosto (com G) do que eu faço e Muito de MKT DIGITAL porque tudo é mensurável! Ó SEA... cola na minha! =p

..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.